Sesc SP realiza evento virtual para debater o futuro do turismo em meio à pandemia

Até o dia 4 de junho, o Sesc São Paulo realiza uma série de debates para refletir o impacto da pandemia no setor do turismo e os horizontes após o fim da crise; a programação é totalmente gratuita.

A crise provocada pelo novo coronavírus nos convida a refletir sobre nosso papel como indivíduos e o impacto das nossas escolhas como sociedade, mas também nos dá a possibilidade de repensarmos modos de existir e contemplar projetos e planos futuros. No turismo isso não é diferente.


Quais os caminhos possíveis para o turismo durante e pós-pandemia? Qual o papel, social e ambiental, que o turismo pode ocupar a partir desse novo paradigma que se impõe? Quais os impactos gerados pela atividade turística – e a falta dela – sobre os destinos?


Estes são alguns dos tópicos que serão debatidos durante a Semana Virtual de Turismo para Todos, Solidário e Sustentável, realizada entre os dias 28 de maio e 4 de junho, pela Organização Internacional de Turismo Social (ISTO), da qual o Sesc São Paulo é membro já há 40 anos.


O evento, de alcance global, contará com diversas ações on-line promovidas pelos membros da ISTO. Para compor sua programação, o Turismo Social do Sesc contará com uma série de atividades que incentivam o público a examinar o momento atual do Turismo no mundo, o comportamento do turista no cenário anterior à pandemia e suas perspectivas futuras, por meio da reflexão crítica, da leitura artística sensível e da meditação atenta sobre as ações individuais dos viajantes.


Viajar É Preciso


De documentários sobre os impactos das atividades turísticas a análises de especialistas da área, passando por abordagens artísticas sobre o tema artísticas, a grade de programação exibida pelo Sesc São Paulo procura sensibilizar e educar sobre um modo de viajar mais sustentável e solidário, para todos. Confira os destaques da programação:


  • Reflexões Turismo, Ética e Pandemia


Nas chamadas Ações Reflexivas, os participantes poderão participar de debates, cursos e entrevistas com especialistas, pesquisadores e professores da área. Na série de vídeo-depoimentos “O Turismo e a Pandemia: uma análise em tempo real”, pesquisadores de diferentes áreas fazem, em sete episódios, considerações acerca dos impactos da pandemia sobre as viagens e o turismo. Mariana Aldrigui [USP e Conselho de Turismo da FecomercioSP], Rita de Cássia Ariza da Cruz [USP], Ricardo Antunes [Unicamp], Marcio Pochmann [Unicamp e Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho (CESIT)], Andrea Rabinovici [Unifesp], Miriam Chnaiderman [Sedes Sapientiae] e Thiago Sebastiano de Melo (UFPel). Produção: CPF – Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo e Sesc Thermas de P. Prudente.


  • Documentários


Disponíveis on demand, produções discutem a presença de turistas internacionais de maneira crítica.


Gringo Trails [EUA, 2013], dirigido pela antropóloga estadunidense Pegi Vail, parte da experiência pessoal de escritores, editores, fotógrafos e profissionais da indústria do turismo para mostrar os efeitos do turismo sobre a cultura, a economia e o ambiente, das florestas da Bolívia aos desertos de Timbuktu, nos últimos 30 anos.


Tem Gringo no Morro [BRA 2013], produzido pelo SescTV e dirigido por Bruno Graziano e Marjorie Niele, traça um retrato do turismo estrangeiro na favela da Rocinha, que costumava receber, todos os meses, mais de 3000 turistas, interessados da pobreza à violência, da geografia à arquitetura, da paisagem ao calor humano, da curiosidade ao assistencialismo. Longe de apresentar soluções, os documentários incitam à reflexão: quando as viagens retornarem, como poderemos nos tornar viajantes mais éticos e responsáveis?


  • Audiotour


Sobre isso que eu Queria te Falar - um audiotour para se fazer em casa. Julia está cuidando da casa de sua amiga Irene. Com o passar dos dias começam a ocorrer situações insólitas no apartamento. Em certo momento ela recebe um áudio de Irene com um pedido de favor. Para participar, é necessário apenas colocar fones de ouvido convencionais, conectados a um celular com acesso à internet, seguir as instruções passadas através do áudio e entrar na história. Livremente inspirado no conto “A Queda da Casa de Usher” de Edgar Alan Poe e em clima do romance "Robinson Crusoe" de Daniel Defoe, esta obra propõe uma breve viagem pelo interior do nosso lar.


  • Audiotour para Crianças


Viagem para dentro de Casa. Neste delicado vídeo-viagem da palhaça e bonequeira Genifer Gerhardt, com trilha sonora do músico Di Freitas, os pequenos são convidados a fazer um passeio por um lugar completamente inesperado: a própria casa. Cada porta que se abre, cada cômodo, os cheiros, sabores, sons e texturas, as plantas, para onde podem levar nossa imaginação?


Saiba mais em sescsp.org.br/semanavirtualdoturismoisto.international/virtual-week/?lang=es

Acompanhe a programação também em: facebook.com/sescspyoutube.com/turismosocialsescsp


Sobre o Turismo Social do Sesc São Paulo


As ações de Turismo Social são destinadas à realização de vivências turísticas que buscam estimular o contato dos participantes com a diversidade de realidades sociais, culturais e ambientais. A partir da convicção de que tais experiências geram conhecimento, estimula-se a possibilidade de desenvolvimento de suas habilidades intelectuais e físicas, do exercício da convivência e da cidadania e de interação dos indivíduos entre si e com o ambiente. Essas vivências têm como diretrizes centrais a democratização do acesso ao turismo, o protagonismo dos participantes, a educação para e pelo turismo e a operacionalização ética e sustentável. Saiba mais em: sescsp.org.br/turismo


Sobre o Sesc São Paulo


Com 73 anos de atuação no estado e 40 unidades operacionais, o Sesc São Paulo (Serviço Social do Comércio) desenvolve ações com o objetivo de promover bem-estar e qualidade de vida aos trabalhadores do comércio, serviços, turismo e para toda a sociedade. Mantido pelos empresários do setor, o Sesc é uma entidade privada que atua nas dimensões físico-esportiva, meio ambiente, saúde, odontologia, turismo social, artes, alimentação e segurança alimentar, inclusão, diversidade e cidadania. As iniciativas da instituição partem das perspectivas cultural e educativa voltadas para todas as faixas etárias, com o objetivo de contribuir para experiências mais duradouras e significativas. São atendidas nas unidades do estado de São Paulo cerca de 30 milhões de pessoas por ano. Hoje, aproximadamente 50 organizações nacionais e internacionais do campo das artes, esportes, cultura, saúde, meio ambiente, turismo, serviço social e direitos humanos contam com representantes do Sesc São Paulo em suas instâncias consultivas e deliberativas. Saiba mais em: sescsp.org.br/sobreosesc


Com informações da assessoria

DICAS DE CATHA CASTRO!

#1 

Catha é pernamboana (uma pernambucana criada em Alagoas).

#2

Catha come hambúguer pelo menos uma vez por semana rs!

 

#3

Catha adora despertar com cheirinho de café...

© 2016 - Catha Castro - Mallerba Comunicação

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now