Projeto social distribui 1.300 pães por dia em São Paulo

O projeto social “Pão do Povo de Rua” foi criado pelo Instituto de Pesquisa da Cozinha e da Cultura Brasileiras (IPCB) para as ações de acolhimento do Padre Julio Lancellotti; confira também a receita do pão feita pela padeira Adriana Aranha



Instituto de Pesquisa da Cozinha e da Cultura Brasileiras (IPCB) criou um projeto social que distribui 1.300 pães por dia para as ações de acolhimento do Padre Julio Lancellotti e outras ONGs aos finais de semana. Trata-se do “Pão do Povo de Rua”, que já nasceu com uma meta grandiosa: doar 480 mil pães até dezembro deste ano. Mas para alcançar essa marca, o projeto precisa de ajuda, sejam doações em dinheiro ou em insumos, utilizados na receita do pão (como farinha de trigo tipo A, farinha integral, açúcar mascavo, fermento biológico seco e chocolate em pó).

O projeto

O projeto iniciou com a aproximação do Prof. Dr. Ricardo Frugoli e o Padre Julio Lancelotti. “Quando começou a pandemia, montamos um projeto chamado Marmita Solidária com o IPCB, que distribuiu cerca de 16 mil refeições ao longo de 8 meses. Quando o projeto acabou, ganhei alguns equipamentos de uma padaria, mas não sabíamos o que fazer com isso. Como me aproximei muito do padre Julio Lancelotti neste período, liguei para ele e pedi um espaço para montarmos uma massaria social. Gentilmente, o padre me cedeu um espaço dentro da cozinha da Pastoral do Povo da Rua, então levamos os equipamentos para lá, compramos apenas uma masseira à prestação, que faltava para produzirmos os pães e iniciamos esse lindo projeto, que em breve levará pão a quem tem fome”, conta Frugoli.


A receita

Para criar a receita do “Pão do Povo da Rua”, o chef procurou a amiga e padeira Adriana Aranha, que criou uma receita especialmente para o projeto, além de treinar a equipe que produzirá os pães diariamente. “Criei um pão seguindo o conceito proposto pelo instituto, pensado para estes amigos em situação de total vulnerabilidade. É um pão mais macio, mais nutritivo, bonito e prazeroso de ser comido, mesmo sem recheio, em dias difíceis”, explica Adriana.



Receita: Pão do Povo da Rua (padeira Adriana Aranha)

Rendimento: 1 pão de 900g ou 9 pães de 100g

INGREDIENTES:

• 400g de farinha de trigo

• 100g de farinha de trigo integral

• 50g de açúcar mascavo

• 10g de chocolate em pó 32%

• 20g de manteiga sem sal (em temperatura ambiente, ponto de pomada)

• 10g de fermento biológico seco (fermento para pão)

• 10g de sal refinado

• 300ml de água

MODO DE FAZER:

Em uma vasilha coloque as farinhas de trigo e integral, o açúcar mascavo, o chocolate e o fermento seco, acrescente a água (não ponha a água toda de uma vez, pois a quantidade de água pode variar para mais ou para menos conforme a farinha que você estiver usando). Misture bem até que fique homogêneo.

Acrescente o sal, depois a manteiga em ponto de pomada e vá sovando a massa para incorporar e continue a sovar. Quanto mais sovada estiver a massa, mais lisinha e fofa vai ficar. Se preferir pode bater em uma batedeira com gancho.

Deixe o pão descansar por uns 20 a 30 minutos.

Para modelagem, podemos fazer um único pão redondo ou também 9 bolinhas de 100g (mesmo tamanho do pão distribuído ao povo da rua).

Coloque as massas sobre uma assadeira untada, sempre guardando uma boa distância entre elas, pois agora deixaremos crescer até dobrar de volume. Durante o crescimento mantenha um plástico sobre a massa para ela não ressecar.

Aqueça a forno a 200oC.

Coloque na parte de baixo do forno uma assadeira vazia (ou com pedrinha, tipo brita) e deixe que aqueçam junto com o forno.

Com o forno já quente e a massa crescida, use uma faca afiada ou um estilete para fazer um corte sobre o pão. Este corte vai facilitar a saída dos gazes formados na fermentação e como o corte é na parte superior do pão, vai facilitar o crescimento para cima de seu pão no forno (só faça o corte quando já for colocar a massa no forno).

Ponha a assadeira com os pães no forno e jogue um copo d’água naquela outra assadeira que já estava aquecendo lá dentro, na parte de baixo do forno. Isso vai gerar um vapor, que vai auxiliar a fazer uma casquinha crocante em seu pão. Asse por cerca de 30 minutos no caso do pão grande, 20 minutos no caso dos pães de 100g ou até que fiquem dourados. Depois de tirar do forno, deixe o pão descansar por uns 20 minutos antes de cortar.

Doações

Segundo o coordenador Ricardo Frugoli, com apenas R$ 50,00 é possível fabricar 100 pães. Para ajudar, os interessados podem fazer um depósito de qualquer valor na conta bancária do projeto: Banco Santander / Ag 1717 / C/C 13000787-2 / Instituto de Pesquisa da Cozinha e da Cultura Brasileiras / CNPJ 31.721.081/0001-42

Para aqueles que desejam doar insumos, podem entrar em contato pelo telefone (11) 99595-9962


Com informações da assessoria.

DICAS DE CATHA CASTRO!

#1 

Catha é pernamboana (uma pernambucana criada em Alagoas).

#2

Catha come hambúguer pelo menos uma vez por semana rs!

 

#3

Catha adora despertar com cheirinho de café...